3 Pratinhos

Brunch de Fim de Semana

Blogs, Cardápios | May 27, 2016 | By

Algumas semanas atrás nós recebemos uns amigos para um brunch de Domingo. A escolha não poderia ter sido mais certeira. Essa é uma daquelas refeições que une informalidade e praticidade a uma dose de requinte. Nada precisa ser complicado, o importante são os detalhes da mesa e a escolha do cardápio.

A preparação começou no dia anterior nos mercados com a escolha de queijos, frios, pães, frutas e ingredientes da salada. Ops, flores, lógico, não poderiam faltar para decorar a mesa.

O conceito do Brunch, uma refeição que une café da manhã ao almoço, surgiu na Inglaterra no final do século 19. Geralmente servido por volta do meio-dia, as conversas podem se prolongar por horas. Para os adultos, por que não começar como um tradicional café da manhã apreciando uma taça de café ou chá e seguindo para uma taça de champanhe? E para as crianças, a liberdade de saírem da mesa e correrem ao jardim para depois retornarem para mais uma jornada de comida.  

Entre os pratos feitos em casa estavam sanduíches de salmão defumado, pepino e cream cheese; sanduíches de presunto e queijo, quiche de Gruyère e presunto, torta de morango nos copinhos, vinagrete balsâmico e, obviamente, pão de queijo. Minha amiga Kristin complementou a fartura com deliciosos muffins de iogurte de limão que ela aprendeu durante sua estadia na pitoresca e a estilo “la Belle Époque” cidade de San Sebastián, na costa norte da Espanha. E com os bolinhos, servidos numa travessa de cerâmica Talavera pintada à mão, vieram também excelentes histórias.

Eu não sei bem como o hábito dos brunches surgiu em casa. Mas acredito que o prazer de ter familiares, que geralmente chegam no meio das manhãs após longas horas no avião, teve uma influência nisso. Nada como receber alguém com uma mesa repleta de comida, para simplesmente termos um tempo agradável, sem grande pretensões, sem hora para começar ou terminar.

Mais família nos visitando neste domingo, brunch, hum… Mais família vindo no fim de semana que vem, brunch novamente!

Tenham um excelente fim de semana!

Detalhes que fazem a diferença

Uma boa ideia é usar garrafas de vinho como vasos de flores. Para remover a etiqueta, deixe a garrafa em uma bacia com água morna e sabão durante a noite. Retire na manhã seguinte a etiqueta. Agora vem o truque: se sobrar uma cola na garrafa, coloque um pouco de óleo de cozinha num papel toalha e esfregue a garrafa até sair toda a cola. Lave a garrafa com água morna e sabão. Agora está pronta para usar!  

Minhas garrafas esperando a próxima oportunidade de decorarem uma mesa.